Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


Qual é a Diferença Entre um Expectorante e um Antitússico?

  • Português

Imagem de Pessoa com TosseOs dois únicos grupos de remédios contra a tosse são os antitússicos e os expectorantes, que são aplicados tendo em conta o tipo de tosse. Uma tosse seca e irritativa, onde há dificuldades na expectoração, pode ser tratada com um antitússico, ou um supressor como a codeína, que é eficaz contra tosses longas.

Quando a tosse produz muita expectoração, esta não deve ser suprimida. Neste tipo de situação, aplica-se um expectorante que ajudará a remover as secreções nos brônquios, no entanto este tipo de tratamento pode não ser eficaz. Os expectorantes podem ser vendidos nas farmácias com ou sem receita, um farmacêutico pode-lhe indicar a melhor opção.

Quando as secreções são mais frequentes, espessas e viscosas, deve em primeiro lugar ingerir mais líquidos, sendo recomendado o uso de um humidificador ou um vaporizador em conjunto com o xarope.

Quando a tosse é persistente e tem muita força, deve consultar o seu médico, pois pode ser sinal de pneumonia ou bronquite.

Avalia este conteúdo
3.525/5 (43 votos)
Etiquetas: antitússico, codeína, expectoração, expectorante, secreções nos brônquios, supressor, tipo de tosse, tosse irritativa, tosse seca, tosses longas

Leave a Reply

Your email address will not be published.