O Nosso Organismo Poderá Curar a Diabetes no Futuro?

  • Português

Na Noruega, uma equipa de cientistas da Universidade de Bergen elaborou um estudo em que se sugere que a cura para a diabetes pode residir no nosso próprio organismo.

Esta equipa descobriu que as funções das células que produzem insulina que estejam defeituosas ou inexistentes podem ser assumidas por células contíguas.

Assim, existem três tipos de células pancreáticas: as alfa, beta e delta que produzem diferentes tipos de hormonas que regulam os níveis de glicose sanguínea. As células-alfa produzem glucagon que aumenta a glicose no sangue; as células-beta produzem insulina que diminui os níveis de glucagon e as células-delta produzem somatostatina que regula as células alfa e beta.

Os indivíduos com diabetes possuem uma incapacidade na função das células-beta, que se traduz em níveis elevados de glicose no sangue. Deste modo, tem de ser administrada insulina para os níveis glicémicos permanecerem controlados.

Os investigadores descobriram então que as células produtoras de glucagon possuem a capacidade de mudar a sua identidade e adaptam-se no sentido de exercer a função das células produtoras de insulina adjacentes que estejam incapacitadas ou inexistentes.

Em ensaios conduzidos em animais, foi possível, através de um fármaco, aumentar o número de células produtoras de insulina até 5%.

O Nosso Organismo Poderá Curar a Diabetes no Futuro?

Fonte: In "alert-online.com"

Etiquetas: células produtoras, diabetes, insulina, organismo

Leave a Reply

Your email address will not be published.