Medicamentos Provocam 30 Reacções Adversas Graves Por Dia

  • Português

De acordo com os números revelados pelo Jornal de Notícias, as situações reportadas à Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) duplicaram no primeiro semestre do ano, sendo que, em média, foram registados 30 casos de reacções adversas graves por dia.

Em 2017 contabilizaram-se 6 mil casos deste tipo de reacções e em 2018 já foram registados cerca de 5,300 casos e até ao final de Dezembro este número irá ultrapassar o registado no ano passado, acredita o Infarmed.

As reacções adversas graves afectam um terço da população idosa, uma vez que são os que mais tomam medicamentos e as reacções mais severas manifestaram-se em doentes oncológicos.

As causas destes efeitos secundários graves passam pelo recurso à automedicação, uso de medicamentos inovadores e produtos naturais, sendo que a maioria destas reacções não estavam descritas nas bulas dos medicamentos.

Porém, o crescimento das notificações não significa que deva existir uma maior preocupação com a qualidade e segurança dos medicamentos. Reflecte, sim, um “aumento da literacia dos cidadãos”, explica Sofia Oliveira Martins, vogal do Conselho Directivo do Infarmed.

Para prevenir situações problemáticas em bebés, crianças e grávidas, o Infarmed lançou uma campanha, nas redes sociais, que apela à notificação das reacções adversas.

Medicamentos Provocam 30 Reacções Adversas Graves Por Dia

Fonte: In "sapo.pt"

Etiquetas: medicamentos

Leave a Reply

Your email address will not be published.