Longos Períodos de Sono Contínuo Associados a Morte Fetal

  • Português

Um estudo que foi realizado por uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade de Michigan, Estados Unidos, teve como finalidade analisar os hábitos de sono maternos sobre a morte fetal.

A equipa analisou inquéritos a 153 mulheres que tinham passado por morte fetal, às 28 semanas e a outras 480 mulheres no terceiro trimestre de gravidez ou que tinham dado à luz durante o mesmo período.

Constatou-se que poderá existir uma associação entre períodos prolongados de sono materno contínuo e morte fetal, independentemente de outros factores de risco.

Louise O’Brien, líder do estudo, afirma que “as mulheres grávidas relatam frequentemente que acordam e levantam-se a meio da noite; embora os despertares múltiplos durante a noite possam preocupar algumas mulheres, aparentam ser protectores no contexto da morte fetal.”

A tensão arterial atinge o seu ponto mais baixo durante o sono, mas quando despertamos dá-se um aumento na actividade do sistema nervoso que vai causar subidas temporárias na tensão arterial.

Contudo, apesar dos resultados, os investigadores advertem para a necessidade de mais estudos para perceber esta associação e o que significa para uma grávida.

Longos Períodos de Sono Contínuo Associados a Morte Fetal

Fonte: In "alert-online.com"

Etiquetas: morte fatal, sono

Leave a Reply

Your email address will not be published.