Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


Dieta da Vitamina D

É do conhecimento geral que a vitamina D é um elemento essencial para o bem-estar dos ossos e nomeadamente dos dentes. Por outro lado, esta substância funciona como um método preventivo de diversas doenças como depressão, Parkinson e diabetes tipo 1.

Recentemente foram efetuados estudos na Universidade de Minnesota, Estados Unidos, que revelaram que maiores porções de vitamina D ajudam a adelgar o corpo, especialmente, a zona abdominal. Por outras palavras, se o organismo humano receber maiores quantidades desta substancia, para além de se tornar mais saudável, fica com o metabolismo mais rápido, o que favorece o processo de emagrecimento.

A vitamina D atua em vários níveis. Se por um lado, inibe a produção da hormona da paratiroide, acelerando o processo de decomposição de gordura que ocorre no fígado, por outro, a substância atua nas células da própria gordura (recetores), inibindo o crescimento destas.

Esta vitamina também tem a capacidade de aumentar a produção de leptina, hormona responsável pelo envio da informação de saciedade, para o cérebro. Assim, a vitamina D funciona como um inibidor de fome. Este nutriente auxilia, ainda a perca de gordura nos músculos, o que permite um aumento de força.

O ovo é bastante usado na Dieta da Vitamina D devido à sua elevada quantidade de Vitamina D (Autor: Imagem em domínio público)

O ovo é bastante usado na Dieta da Vitamina D devido à sua elevada quantidade de Vitamina D (Autor: Imagem em domínio público)

Apesar de todas estas vantagens, é cada vez mais usual, indivíduos com défices desta substância. Para combater esta carência, há necessidade de praticar uma alimentação adequada, com alimentos ricos em vitamina D (ovo, peixe, manteiga, óleo de fígado de bacalhau e produtos enriquecidos, industrialmente).

A pele é um órgão capaz de produzir esta vitamina, quando exposta à luz solar. Os entendidos, na matéria, afirmam que, o mais correto seria expormo-nos ao sol, diariamente, durante um intervalo de 15 minutos, numa hora aconselhada a esta exposição. E nem é necessário que todo o corpo receba luz solar. Durante o tempo de exposição, o corpo produz a quantidade de vitamina D, equivalente a 100 copos com leite.

Avalia este conteúdo
3/5 (3 votos)
Etiquetas: benefícios da vitamina d, benefícios do ovo, dieta, dieta da vitamina d, instrucoes dieta da vitamina d, ovo, propriedades dieta da vitamina d, vitamina d

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.