Fazer o oposto ajuda

Fazer o oposto ou ser do contra oferece vários benefícios estratégicos na nossa vida. Neste breve artigo vou explicar em como essa estratégia pode ser benéfica para chegar ao sucesso.

O melhor comportamento por defeito é ser do contra. E contra aqui quer dizer trilhar o próprio caminho em vez de seguir. O modo de estar é activo e não passivo, é uma forma de valorizar o tempo.

A minha sugestão é fazer completamente o oposto do que os outros fazem. Nota importante a lembrar: fazer o oposto.

Benefícios de fazer o oposto

O benefício mais simples de perceber é que se vai destacar dos outros. Outro benefício óbvio é que vai ser simplesmente mais eficaz pois está a fazer o que os outros não estão a fazer (nos exemplos é fácil de perceber como).

Ao sermos diferentes estamos a criar a nossa própria identidade em vez ser uma réplica.

Ao fazer o oposto é possível encontrar métodos mais eficazes de fazer acontecer e também criar novas oportunidades na vida. Pobre de quem seguir exactamente os conselhos alheios pois os outros gostam de dá-los livremente e sem consideração.

No mundo dos negócios fazer o oposto tem um nome mais pomposo, chama-se inovação, e ser inovador no local de trabalho cria resultados e mais know-how. Podemos fazer coisas inovadoras com poucos recursos fazendo simplesmente o oposto.

Ao pensarmos em fazer o oposto estamos a desenvolver a nossa capacidade crítica e estamos a testar as nossas próprias escolhas na vida. E isso é muito bom!

Exemplos em como fazer o oposto

– Trabalha até à reforma – trabalha arduamente nos 20s e 30s e nunca mais trabalha na vida.
– Segue o curso superior porque parece o mais seguro – poupa os cinco anos e começa o seu próprio negócio.
– Compra um carro topo de gama – compra um usado de qualidade e investe o restante para gerar rendimentos.
– Perde tempo a ver futebol – investe esse tempo em criar um novo micro-negócio.
– Perde tempo a pensar os que os outros pensam dele – não passa muito cartão. Quando alguém pensa mal, paciência.
– Perde tempo todos os dias a ir de transportes para o trabalho – vive a 5 min de distância do local de trabalho.
– Todas as semanas vai a vários supermercados comprar as necessidades – encomenda tudo online do mesmo supermercado e não perde tempo, gasóleo e depreciação do carro.
– Segue o mesmo programa de treino no ginásio mês após mês – está sempre a trocar o treino e a colocar os músculos em estado de choque.
– Segue repetidamente os caminhos mais seguros na vida – arrisca assim que pode.
– Tem medo do fracasso – encara o fracasso como um processo de aprendizagem e de melhoria.

Conclusão

Fazer o oposto vai certamente gerar resultados na vida. Por isso começa a pensar em formas de fazer o oposto.

Deixo ainda vários vídeos da famosa série Seinfield, episódio intitulado “The Opposite”, onde George Costanza faz tudo ao contrário e a sua vida muda completamente 🙂

https://www.youtube.com/watch?v=EzxfivZF9Yk

Etiquetas: como fazer o oposto, fazer o oposto, oposto, ser do contra, sucesso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.