Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


Resultados do Arnold Classic 2010

O Arnold Classic 2010 deste fim de semana já acabou, com ele deu-se o início da era de Phil Heath e Kai Green, como já tinha sido previsto à alguns anos atrás. Houve alguma polémica em relação aos dois primeiros lugares, pois Phil Heath estava melhor que Kai Green no pré-julgamento, no entanto, Kai Green conseguio durante a noite, apresentar uma melhor condição física.

De acordo com as expectativas já feitas antes do evento, dois outros nomes começam a surgir no panorama internacional e a ficar cada vez mais conhecidos, são eles Ronny Rockel e Roelly Winklaar, que obtiveram o 6º e 7º lugar, respectivamente.

O lugar obtido por Dexter Jackson não foi muito famoso, sendo Dexter um atleta que se aproxima dos 40 anos de idade e que conta com cerca de 11 anos de competição, talvez seja melhor nesta altura reavaliar o seu estilo de vida, e optar pot fazer outra coisa com ela. Tem sempre a hipótese de se reformar, pois já ganhou bastantes campeonatos e dinheiro.

[-] Índice de conteúdos

OS RESULTADOS DO ARNOLD CLASSIC 2010

Aqui estão os resultados do Arnold Classic 2010, especial atenção para a posição de Melvin Anthony logo a seguir a Hidetada Yamagishi. Foi especialmente difícil conseguir o pico em duas competições consecutivas e num espaço de tempo inferior a um mês.

1º Kai Greene  $130,000
2º Phil Heath  $75,000
3º Branch Warren $50,000
4º Dexter Jackson $30,000
5º Toney Freeman $15,000
6º Ronny Rockel  $10,000
7º Roelly Winklaar
8º Hidetada Yamagishi
9º Melvin Anthony
10º Robert Piotrkowicz
11º Tarek Elsetouhi
12º Johnnie Jackson
13º Sergey Shelestov

KAI GREEN NO ARNOLD CLASSIC 2010

PHIL HEATH NO ARNOLD CLASSIC 2010

ENTREVISTA COM  O VENCEDOR, KAI GREEN

Nesta entrevista com Kai Green, é perceptível a quantidade de trabalho que está por detrás de um campeão, nada acontece da noite para o dia como diz ele e muito bem. Tem de haver trabalho, bastante estudo, e uma equipa de pessoas a trabalhar connosco que tenha o mesmo esforço e dedicação, senão ainda mais. Kai Green estava mais duro e seco na noite de Sábado, ele atribui este feito aos seu treinador e mentor. Não é um treinador, é um mentor como ele diz repetidamente, um amigo especial que o acompanha na sua profissão. Na competição Kai Green vê-se na terceira pessoa, é nesse aspecto que ele vê as inúmeras oportunidade de auto-crescimento e auto-desenvolvimento presentes no fisioculturismo. Neste Arnold Classic 2010 Kai Green também ganhou o prémio de melhor pose. Kai espera que no futuro os atletas envolvidos também melhorem, para poderem oferecer um melhor espectáculo ao público e à industria.

Avalia este conteúdo
3/5 (1 votos)
Etiquetas: arnold classic 2010, kai green

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.