Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


Raíz

[-] Índice de conteúdos

Considerações da raíz de uma planta

Como todos nós sabemos as plantas são constituídas por diversas estruturas sendo a raíz uma delas. Esta é a parte inferior da planta e que normalmente se localiza abaixo da superfície da terra. Uma planta não é capaz de sobreviver sem ter uma raíz nas perfeitas condições uma vez que é esta a responsável por duas funções fundamentais: o fornecer de um meio de fixação ao solo e fazer a absorção da água, dos compostos nitrogenados e dos sais minerais como é o caso do potássio e do fósforo.

Um exemplo de raíz comestível é a cenoura assim,como o nabo e a beterraba, são raízes. Por serem grossas e carnudas chamam-se raízes tuberosas.

Um exemplo de raíz comestível é a cenoura assim,como o nabo e a beterraba, são raízes. Por serem grossas e carnudas chamam-se raízes tuberosas.

Como se sabe existem raízes que são comestíveis como é o caso das cenouras, dos nabos, dos rabanetes, da mandioca entre muitas outras. Por vezes as raízes comestíveis são confundidas com os tubérculos como é o caso da batata e com os bolbos como é o caso da cebola. Estes dois últimos são considerados caules subterrâneos e não raízes. Presentemente muitas das raízes existentes são consideradas medicinais.

As raízes sofreram por parte da botânica uma classificação. Assim temos três tipos de raízes diferentes:

  • A raíz aprumada, axial ou primária – as plantas dotadas deste tipo de raíz apresentam uma raíz principal com uma coifa maior que as restantes. Podem surgir ramificações ou raízes secundárias. A raíz axial é que se apresenta com a responsabilidade de proceder à fotossíntese. Neste caso a raíz principal vai permitir a fixação da planta ao solo e as raízes secundárias fazem a absorção dos nutrientes e da água.
  • A raíz fasciculada ou também conhecida como em cabeleira – as plantas que apresentam este tipo de raíz são as gramíneas e são dotadas de uma raíz em massa. Há quem lhe chame de raíz múltipla, ramificada ou fasciculada, surgem da base do caule e têm um tamanho maior que a folha.
  • A raíz tuberosa – estas raízes detêm uma grande quantidade de substância nutritiva em reserva e fazem parte da alimentação dos humanos. A cenoura é um excelente exemplo disso mesmo.
Avalia este conteúdo
3.275/5 (19 votos)
Etiquetas: função da raíz, plantas, rabanete, raíz, raízes comestíveis, tipos de raízes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.