Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


O Humor e a Saúde

A capacidade de humor é uma característica natural dos humanos (Autor: Imagem em domínio público)

A capacidade de humor é uma característica natural dos humanos (Autor: Imagem em domínio público)

A capacidade de humor é uma característica natural dos humanos.

E são muitos os motivos para rirmos pois a terra está cheia de coisas engraçadas.

No entanto, aquilo que faz alguns rir talvez não tenha o mesmo efeito em outros.

Muitas vezes, o que é considerado engraçado muitas vezes depende da cultura, da personalidade, da formação e da disposição de ânimo da pessoa, além de outros fatores.

Mas praticamente todas as pessoas se riem de alguma coisa, seja de uma história engraçada, de uma surpresa agradável, de uma piada ou de um trocadilho inteligente.

Mas, para que serve o sentido de humor?

Bem, entre outras coisas, o humor é uma maneira de nos relacionarmos melhor com os outros.

De fato, há quem diga que o riso é a menor distância entre duas pessoas.

Além disso, pensa-se que o humor pode até mesmo ser usado como barómetro da compatibilidade conjugal.

Segundo certo estudo sobre humor, o homem e a mulher que acham engraçadas as mesmas coisas estão mais propensos a gostar, amar e querer casar um com o outro do que aqueles que têm preferências humorísticas muito diferentes.

Isso acontece porque o humor é um fator que indica muitas coisas, entre as quais valores, interesses, preocupações, inteligência, imaginação e necessidades.

Uma outra pesquisa que analisou mil empresas americanas revelou que, normalmente, as pessoas com senso de humor são mais criativas, menos rígidas e mais dispostas a considerar e aceitar novas ideias e métodos.

[-] Índice de conteúdos

Humor ou Não

Ninguém sabe dizer ao certo o que faz uma coisa ser engraçada. Alguns acreditam que o elemento surpresa talvez esteja no âmago do humor, normalmente a associação de duas coisas aparentemente incompatíveis.

Por exemplo, ao passo que um homem vestido de palhaço de circo pode arrancar gargalhadas de uma criancinha, talvez um adulto, cuja experiência de vida é maior e cujas habilidades cognitivas são superiores, pode não achar graça às mesmas palhaçadas. Mas, ele talvez se divirta com formas mais intelectuais de humor, tais como trocadilhos ou piadas, que não dizem nada à criança.

Segundo alguns pesquisadores, o humor talvez resulte da libertação de energia emocional reprimida, sendo que este pode servir para mascarar tensões e dor.

No entanto, é importante que tenhamos muito cuidado com aquilo de que nos rimos. Por exemplo, talvez achemos muito engraçado ver uma criança que está a começar a dar os primeiros passos cair desajeitada, mas, quando uma pessoa idosa ou incapacitada cai, a reação correta não é rir, mas sim, ir acudir imediatamente.

O Humor e a Sua Saúde

Quando usado adequadamente, o humor pode ser de grande utilidade.

Segundo alguns estudos, o riso tem até utilidade terapêutica, sendo que, por exemplo, rir massageia saudavelmente os órgãos internos.

Além disso, o riso pode ajudar a fortalecer o sistema imunológico. Do mesmo modo, as emoções negativas podem afetar o sistema imunológico negativamente.

É por isso que, na esperança de aproveitar o poder de cura do humor, alguns hospitais criaram as chamadas salas de riso, onde os pacientes podem se divertir com jogos, ver filmes engraçados, ouvir piadas ou simplesmente receber os seus parentes num ambiente mais alegre.

Nós também podemos recorrer ou humor em algumas situações. Por exemplo, quando um amigo ou um parente estão doentes e hospitalizado, pode ser muito útil alegrá-lo, dando-lhe um livro cómico ou um cartão engraçado. Por vezes até pode ser ajuda se dissermos algumas piadas de bom gosto.

Outro benefício do riso é que tem a capacidade de abrandar a ira. Segundo o Dr. R. B. Williams Jr., ao passo que ficar com raiva faz mal à saúde, é muito difícil alguém sentir raiva quando se ri. Portanto, uma das maneiras mais construtivas de lidar com a ira é ver o lado engraçado da situação.

Humor em Família

O humor também pode ser muito útil em casa pois protege, encoraja, dá espaço para conversas proveitosas, derruba algumas ideias pré-concebidas e transforma palavras difíceis em palavras de razoabilidade e compreensão.

O senso de humor pode ser útil principalmente quando hábitos irritantes ameaçam causar tensões nos relacionamentos. Por exemplo, quando o seu filho se esquece de guardar os brinquedos apesar de repetidos lembretes, ou quando o seu marido deixa as roupas sujas nochão do WC, se a sua esposa deixa queimar o jantar, encarar essas situações com algum sentido de humor pode ser muito benéfico tanto para si como para quem cometeu o erro.

Por outro lado, massacrar a pessoa com os seus defeitos, envergonhar a pessoa, acusá-la, gritar ou berrar só vai piorar as coisas. Como mencionou uma pesquisadora de saúde, quando alguém confronta ou ridiculariza alguém, essa pessoa fica na defensiva, mas o humor convida as pessoas a examinarem o seu próprio comportamento e a mudarem-no.

Assim, em vez de ridicularizar a pessoa que cometeu o deslize, sendo que isso geralmente apenas causa dor, procure dirigir o humor para a situação em si. Uma boa gargalhada pode ajudar muito a diminuir a tensão. Como contou certa mulher casada, existe ocasiões em que o seu marido vê que está a ficar com raiva, e ele acalma logo a situação dizendo ou fazendo algo engraçado. Isso faz com que ela se ria e então perceba que o assunto afinal de contas não era assim tão grave.

No entanto, devemos evitar tentar ser engraçados quando a situação pede seriedade ou compaixão. Só se deve recorrer ao humor com a devida discrição, de modo a não se causarem danos emocionais ou físicos. Além disso, nunca devemos permitir que o humor seja maldoso ou desrespeitoso. Também é bom que, entre marido e mulher, o humor seja mantido dentro dos devidos limites, não o usando como arma para criticar ou menosprezar.

Assim, podemos concluir que o humor pode ser muito benéfico tanto para a saúde como para as relações sociais, desde que usado quando deve ser. Por isso use o humor na sua vida, descobrindo-o e cultivando-o pois se p usar, ele fará maravilhas tanto por você como pelos que estão ao seu redor.

Avalia este conteúdo
2.5/5 (1 votos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.