Nós usamos cookies para melhorar o nosso serviço. Ao usar o Em Forma, está a consentir à utilização de cookies. Aceitar Saber mais


Efeitos a Longo Prazo da Actividade Física nos Normotensos

É cada vez maior o número de normotensos (pessoas com tensão arterial normal) que praticam exercício físico, seja a correr, a andar, a nadar, etc

Os normotensos fazem isso porque sabem que o exercício aeróbico exerce um papel importante no organismo humano, não só através da redução de doenças cardiovasculares mas também através da reabilitação de doenças já existentes.

Vamos considerar alguns dos benefícios a longo prazo do exercício físico em normotensos.

[-] Índice de conteúdos

Efeitos do Exercício Físico no Organismo dos Normotensos

O treino aeróbico está associado a adaptações em várias das capacidades funcionais que estão relacionadas com o transporte e utilização do oxigénio.

Assim, existindo um maior controle respiratório no músculo esquelético através do exercício físico, podemos observar várias adaptações.

Por exemplo, quando o nosso corpo é treinado, aumenta o número de mitocôndrias do músculo esquelético.

Com o aumento das mitocôndrias, aumenta também a utilização de ácidos graxos como fonte de energia após o término do exercício.

Ao nível das enzimas, podemos dizer que existe um aumento significativo da capacidade de se gerar ATP aerobicamente por meio da fosforilação oxidativa.

Assim, o nível das enzimas no sistema aeróbico passa a aumentar para cerca do dobro, resultando assim num aumento da atividade enzimática por cada unidade de proteína mitocondrial.

Essas alterações fazem com que haja um baixo acúmulo de lactato durante um exercício prolongado e um aumento na concentração de enzimas utilizadas pelo Ciclo de Krebs.

A energia libertada para a produção de ATP deve-se à desintegração de carboidratos e gorduras, de modo que à medida que se pratica exercício físico, os músculos conseguem mobilizar, transportar e oxidar a gordura, aumentando o fluxo sanguíneo e gastando mais gorduras e carboidratos.

O exercício físico faz também com que passem a ocorrer adaptações metabólicas em cada fibra muscular, sendo que as fibras musculares passam a aprimorar os seus potenciais aeróbicos já existentes. Com exercícios de sobrecarga específica, pode ainda ocorrer uma hipertrofia selectiva nas fibras vermelhas e brancas.

Adaptações Cardiovasculares e Pulmonares nos Normotensos

As melhorias do funcionamento do sistema cardiovascular e o pulmonar nos normotensos estão diretamente ligadas à prática do exercício aeróbico.

Um dos benefícios a esse nível é que a frequência cardíaca em repouso e durante os exercícios aeróbicos diminui.

Por outro lado, passa também a verificar-se uma hipertrofia cardíaca nos atletas, sendo que se dá um aumento da cavidade ventricular e por espessura normal da parede ventricular, havendo assim um aumento no volume cardíaco.

Após 3 a 5 sessões de treino, dá-se também um aumento do volume plasmático, aumentando também o transporte de oxigénio e a regulação de temperatura do corpo.

Com a prática do exercício físico, ocorre também um aumento do débito cardíaco, o que resulta num maior volume de ejeção.

Só para termos uma idéia do que isso representa, é bom sabermos que um grande débito cardíaco é o que diferencia os atletas campeões de endurance de outros atletas ou pessoas destreinadas.

O exercício físico atua ainda no sentido de aumentar a capacidade de extracção de oxigénio através do sangue circulante, o que resulta numa melhor distribuição do débito cardíaco para os músculos ativos.

Outros Benefícios Para os Normotensos

O exercício físico ajuda também a regular a tensão arterial, melhora a função pulmonar, ajuda a reduzir os níveis de colesterol e de triglicerídeos, permite o fortalecimento dos ossos, ligamentos e tendões e o aumento da espessura nas articulações e cartilagens, promove a redução e gorduras e o aumento da massa muscular e ajuda também a nível psicológico.

Assim, quando alguémse submete a um treinamento aeróbico, provavelmente, conseguirá desfrutará desses benefícios tanto em repouso como durante a atividade física.

Além disso, poderá ainda ter uma vida saudável longe de algumas doenças, além de melhorar sua aptidão física.

Avalia este conteúdo
4.425/5 (3 votos)
Etiquetas: benefícios do exercícios físico, massa muscular, normotensos, o que é um normotenso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.