Sistema de Laser Pode Detetar Doenças Através do Ar Expelido

[-] Índice de conteúdos

O sistema utiliza um espectómetro de laser especial que analisa a composição molecular de uma amostra de gás

Mais uma novidade na área da saúde que promete ser revolucionária. Uma equipa de investigadores australianos, está a desenvolver um sistema de laser que promete num espaço breve, vir a ser capaz de fazer um rastreio rápido de algumas doenças. Nas citadas doenças estão incluídas o cancro, a diabetes e algumas infeções. O novo sistema de deteção de doenças necessita apenas de ar expelido pelos doentes, segundo afirma o estudo já publicado na revista Optics Express.

Uma equipa de investigadores australianos, está a desenvolver um sistema de laser que promete num espaço breve, vir a ser capaz de fazer um rastreio rápido de algumas doenças através do ar expelido.

Uma equipa de investigadores australianos, está a desenvolver um sistema de laser que promete num espaço breve, vir a ser capaz de fazer um rastreio rápido de algumas doenças através do ar expelido.

O estudo decorre na Austrália, na Universidade de Adelaide, e segundo os investigadores responsáveis o “nariz de cão ótico” criado tem o potencial de detetar as doenças rapidamente, de forma não invasiva e no local. O sistema utiliza um espectómetro de laser especial que analisa a composição molecular de uma amostra de gás. Em vez de cheirar vários odores como o cão faz, o sistema de espectometria a laser utiliza uma luz que deteta várias moléculas que estão presentes na amostra”.

O investigador James Anstie, explica que o ar que é deitado fora está carregado de subprodutos moleculares que resultam do metabolismo do organismo. Quando no organismo alguma sai da normalidade, como é o caso de uma doença, nota-se uma alteração da mistura dos subprodutos metabólicos. Segundo James, já existem diversas publicações científicas de trabalhos, que afirmam e descrevem como é que é possível utilizar a análise da respiração na deteção das doenças. Segundo essas investigações a deteção pode mesmo ser feita antes de surgirem sintomas externos, usando este sistema de laser.

O sistema que está neste momento a ser desenvolvido apresenta muitas vantagens como é o caso de resultados rápidos, uma elevada sensibilidade e também a capacidade de testar várias moléculas em simultâneo. Uma das características que faz este sistema único é a existência de espectrómetro de elevada precisão que faz o registo do resultado espectral quando lança milhões de diferentes frequências de luz na amostra de gás. As moléculas diferentes absorvem uma luz a frequências distintas, dando uma “impressão digital” de ótica única.

Marcado com: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Forum

Acede ao forum de discussão do Em Forma e discute novos tópicos e descobre novos temas.

Acompanha o Em Forma