Doenças Auto-Imunes

Estas Doenças Auto-imunes são um tipo de desordem imunológica caracterizada pela diminuição da tolerância relativamente aos componentes do próprio organismo, de modo a que ocorre uma falha no mecanismo de distinção entre antígenos constituintes do organismo e aqueles externos, como os vírus e bactérias.

Estas doenças constituem uma situação médica em que o organismo reage contra elementos constitutivos normais, isto é, tornam-se hipersensíveis a antigénios específicos das suas próprias células ou tecidos.

Estas doenças constituem uma situação médica em que o organismo reage contra elementos constitutivos normais, isto é, tornam-se hipersensíveis a antigénios específicos das suas próprias células ou tecidos (Autor: NIAID/NIH)

Estas doenças constituem uma situação médica em que o organismo reage contra elementos constitutivos normais, isto é, tornam-se hipersensíveis a antigénios específicos das suas próprias células ou tecidos (Autor: NIAID/NIH)

Estas doenças acabam por atingir uma parte, um tanto, reduzida da população, tendo em conta que é muito raro o sistema imunitário reconhecer os antigénios das células ou tecidos que o constituem como agentes agressores.

[-] Índice de conteúdos

Diagnóstico de Doenças Auto-imunes

Estas doenças são de diagnóstico difícil, pois os sintomas incluem o cansaço, perda de apetite e peso, dores musculares e nas articulações.

Mas o diagnóstico nem sempre é fácil, porque os sinais não são exclusivos e, muitas vezes, manifestam-se de forma lenta e intermitente.

Em geral, é preciso estudar a história clínica de cada doente e fazer exames físicos.

Consoante os sintomas, o médico poderá receitar análises ao sangue, biopsias, raio-X, ressonâncias ou até mesmo cintigrafias.

Tipos de Doenças Auto-imunes

Existem alguns exemplos de doenças auto-imunes bastante relevantes. Temos o exemplo de Lúpus, esta é naturalmente a doença auto-imune mais conhecida de todas, não sendo muito raro a sua presença na sociedade, sendo até mesmo estudada e relatada por grandes médicos, que por sua vez fazem chegar a informação até nós através da imprensa.

Como todas as doenças auto-imunes, esta trata-se de uma hipersensibilidade que o organismo desenvolve contra ele próprio, produzindo anticorpos que actuam num variado segmento de moléculas, podendo mesmo entre elas encontra-se com o ADN.

Pode ainda, manifestar-se em qualquer fase da vida e tem uma grande incidência no que diz respeito às mulheres em idades férteis, ou seja, da primeira menstruação até à fase da menopausa.

Existindo assim inúmeras doenças auto-imunes comuns tal como os Diabetes do tipo 1, Artrite Reumatóide, Doença de Crohn, Esclerose Múltipla, Vitiligo, Tireóide de Hashimoto, Doença de Graves, Esclerodermia, Doenças Celíacas, Hepatite Auto-Imune, Síndrome de Guillain Barré, Anemia Hemolítica, Granulomatose de Wegener, entre outras.

Importância do Descanso e Exercício Físico

Nas doenças auto-imunes é aconselhado e de extrema importância o descanso e o exercício físico adaptado. Em alguns casos, os sintomas desaparecem ou atenuam-se com o tempo, mas não existe cura para a auto-imunidade. Medicamentos e outros tratamentos ajudam a diminuir o mal-estar e a prevenir a deterioração dos órgãos.

A dieta equilibrada contribui para manter o sistema imunitário o mais saudável possível, o que é de grande importância para a saúde de todos.

Descansar e dormir bem favorece a recuperação dos tecidos e articulações do corpo.

Praticar exercício, pelo menos 30 minutos por dia, ajuda a combater a dor e ajuda a melhorar o bom desempenho no ciclo sanguíneo do nosso corpo.

As disciplinas vocacionadas para o Ioga ou até mesmo o Tai-Chi, tendo em conta cada caso, podem ser bastante úteis.

Viver num ambiente descontraído, evitando o stresse e fazer actividades de que se gosta e que contribuam para o alívio das dores.

Os grupos de auto-ajuda e algumas associações de doentes desta área permitem a partilha de experiências para ajudar a enfrentar melhor a situação do dia-a-dia, sendo que pode ainda adquirir novos pensamentos e novas ideias de como combater qualquer que seja a doença auto-imune que esteja presente no corpo.

Tratamento das Doenças Auto-imunes

Os tratamentos mais comuns para estas doenças acabam por ser consistentes na inibição do sistema imune através de drogas imunossupressoras como corticóides, ciclofosfamida, azatioprina, entre outros.

Como ainda não é possível a realização de uma imunossupressão selectiva dos anticorpos indesejáveis, acaba-se por criar um estado de imunossupressão geral que predispõe os pacientes a infecções por bactérias, vírus e fungos.

O diagnóstico das patologias é feito baseado no quadro clínico e na pesquisa de auto-anticorpos no sangue. Sendo o principal exame conhecido como a dose de FAN, o factor antinuclear.



Avalia este artigo
Credibilidade (13.21 em 20 - 14 votos
Qualidade (14.9 em 20 - 10 votos
Profundidade (13.14 em 20 - 14 votos
Imparcialidade (11.8 em 20 - 10 votos

Avaliação geral para o post Doenças Auto-Imunes é 3 em 5. No total foram submetidas 48 avaliações, e a última foi em 2015-06-22.
Marcado com: , ,
3 comentários sobre “Doenças Auto-Imunes
  1. barbara andre disse:

    eu tenho pupos eritomatoso será que posso tomar o cogumelo do tempo desejava uma resposta para o e-mail barbara.andre1945@hotmail.com mt obrigado

  2. barbara andre disse:

    tenho lupos eritomatoso será que posso tomar o cogumelo do tempo agradeço resposta para o e-mail barbara

  3. Miguel Azambuja disse:

    Olá amigos psoriáticos. Vou contar aqui, o que sei sobre esse mal. Tambem tenho a danada; mas, estou melhorando muito, aplicando ARGILA VERDE, sobre as lesões. Faço assim, pego um recipiente de vidro; ou, de louça, ( não pode ser de metal ), ponho a argila verde; e, misturo com água e mexo com uma colher de pau, até formar uma massa mole, ( não pode ser com colher de metal; ou de plástico ); e espalho a massa sobre as lesões. Retiro-a antes que seque totalmente, em um banho de água fria, sem usar sabonete; apenas a água, esfregando com as mão suave e levemente. Isso deve ser feito duas vezes por dia, até que a pele fique limpa. Nos dias em que não aplicar a argila verde, banhar-se com cloreto de magnésio, sem enxaguar. MAS ATENÇÃO :- E preciso esquecer PARA SEMPRE, de carnes vermelhas e seus derivados; de leite e seus derivados; de refrigerantes; de café; de derivados de milho; de frituras em geral; de conservas em geral; de pimentas; ket chups; de mostardas; de maioneses industrializadas; de frutos do mar; de cação; de vinagre; de vinagrete; de pastel e salgadinhos de feiras; de açucar refinado; de sal refinado. NÃO FUME E NEM BEBA BEBIDAS ALCOÓLICAS. CONSUMA APENAS, frangos caipiras, ( que não tem hormonios ); e, peixes, principalmente pescadas brancas, ( ambos devem ser consumidos somente grelhados; assados; ou, cozidos, NUNCA FRITOS ); USEM açúcar mascavo; ou, demerara marron; USEM sal marinho, ( vem escrito “marinho” na embalagem ). Se usarem ADOÇANTE, usem o que contem SUCRALOSE, que é o melhor. USEm e ABUSEm de frutas e verduras, ( é preferível comer as frutas, do que fazer suco delas ). TOMEM pelo menos DOIS LITROS DE ÁGUA, diariamente. USEM apenas roupas de algodão, ( 100% algodão ), incluindo roupas de cam; e, toalhas. BANHOS, apenas frios com sabonetes neutros, sem perfume

    Tomo ainda 6 capsulas de levedura de cerveja diariamente, ( 2 de manhã; duas a tarde; e, duas a noite ). Tomo tambem 3 doses diárias de cloreto magnésio, substancia indispensável para o bom funcionamento de todos os nossos órgãos. Já ouviu falar de AUTOHEMOTERAPIA ? Tambem é de muito bom tom, frequentar uma academia, para fazer musculação; correr na esteira; e pedalar na byke. Quem fica atolado no sofá, vendo a Maria Braga; e, dando trela para as novelas globais; e, babando pelo big brother, não melhora nem de refriado. Pesquise aí na net; e, veja para quanta coisa serve. Sem essa revolução alimentar; e, mudança radical de hábitos, fica impossível domar a psoriase. Escreva-me.
    splendor_sky_eyes@yahoo.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Forum

Acede ao forum de discussão do Em Forma e discute novos tópicos e descobre novos temas.

Acerca
O Em Forma é o guia online do bem-estar. Promovemos a bem-estar, saúde e a prática de exercício físico. Diariamente são colocados novos conteúdos na área de saúde, desporto, nutrição, musculação e opinião.
Acompanha o Em Forma
Em Forma no Facebook


Subscrever à Newsletter

Se quer subscrever à newsletter do Em Forma então insira os dados no seguinte formulário: